VIOLÊNCIA - 07/05/2017 23:12 (atualizado em 08/05/2017 13:38)

Briga em cancha de bocha termina com quatro mortos no RS

Crime ocorreu na Comunidade São José, no interior do município de Candelária
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Briga terminou em morte em jogo de bocha no interior gaúcho (Foto: Reprodução/RBS TV)

Um homem foi preso na noite de domingo (7) suspeito de participar da morte de quatro pessoas durante uma briga em uma quadra de bocha. O crime aconteceu no interior da cidade de Candelária, no Vale do Rio Pardo, e teria sido motivada por uma desavença relacionada ao jogo, conforme a polícia.

"Havia uma certa desconfiança de que se tratava de uma rixa anterior, mas eles dizem que foi em virtude do desentendimento com o jogo que houve esse tumulto que acabou saindo fora de controle e resultou nos quatro mortos", diz o delegado Rodrigo da Silveira, com base no depoimento do preso.

Com ele, a polícia apreendeu uma espingarda com numeração difícil de ser identificada. Outros três suspeitos são procurados.

A cancha de bocha fica em um clube, ao lado da única escola da localidade de Arroio Lindo, onde ocorreu o crime. No local, a polícia identificou que ocorreram disparos de armas de fogo e golpes de arma branca.

Os corpos das vítimas foram levados para exame de necropsia, e a polícia aguarda o resultado. Segundo o delegado, as pessoas que estavam no jogo tinham entre 30 e 38 anos, e todos são da localidade de Arroio Lindo.

Comunidade em choque

Moradores da localidade amanheceram assustados nesta segunda-feira (8). "Agora tá começando, antes não era assim. Daí a gente fica meio apavorado. Eu nem dormi ontem à noite", diz a agricultora Terezinha Santa Krumenauer.

Mulher de uma das vítimas, Joice de Castro Quoos ficou sabendo apenas pela manhã que o marido havia morrido na confusão. "Ele vem aqui, joga bocha sempre. Que eu saiba, ele não tinha rixa com eles. Ontem a gente tinha esperança, sabe. Parece mentira", lamenta.

Algumas pessoas da comunidade dizem que discussões são frequentes durante partidas de bocha no clube, mas afirmam que nunca viram briga com armas, como a de domingo.
Fonte: G1
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...