SEGURANÇA - 13/11/2017 22:31

Motorista que ia de SC ao RS é indiciado por apropriação de carga avaliada em R$ 258,7 mil

Apesar das investigações, a carga de 27 toneladas de bobinas de aço não foi recuperada pela polícia
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Itajaí indiciou um motorista após um inquérito policial mostrar que ele teria se apropriado de uma carga de 27 toneladas de bobinas de aço, avaliada em R$ 258,1 mil. Identificado como Clemerson Nunes, o motorista teria sido contratado por meio de um site de fretes para transportar a carga de Itajaí até Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul. O veículo usado, um caminhão trator Volvo, estava registrado no nome do próprio motorista. 

De acordo com a DIC, em abril deste ano Nunes registrou um boletim de ocorrência em Bom Retiro onde informava que teria sido vítima de um roubo na BR-282, próximo de Rancho Queimado. Segundo o registro, o motorista contou que uma caminhonete teria cortado a frente do caminhão e três homens armados o renderam antes de o abandonar em Alfredo Wagner, já sem a carga.

No entanto, as investigações mostraram que o caminhão que fazia o transporte da carga teria tomado o sentido contrário do original do frete e que todos os outros fatos relatados por Nunes eram falsos. Conforme a DIC, o motoristas teria se recusado a colaborar com as investigações e não informou onde a carga roubada estava armazenada. Apesar de rondas, a polícia não conseguiu recuperar as bobinas. 

Conforme a DIC, agora o motorista é réu um uma ação penal por apropriação indébita, adulteração de sinal identificação de veículo e falsa comunicação de crime. Nunes é monitorado por tornozeleira eletrônica, apesar de ter tido a prisão preventiva representada. 

Fonte: Diário Catarinense
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3