Palco Giratório Sesc - 17/05/2018 08:52 (atualizado em 17/05/2018 10:23)

“A Salto Alto – Entre Gentilezas e Extermínios” chega a São Miguel do Oeste revisitando a fábula da Cinderela

A peça circense faz parte da programação do Palco Giratório Sesc
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Foto: Rodrigo Menezes

A peça “A Salto Alto – Entre Gentilezas e Extermínios” do grupo Circo no Ato (RJ) do Palco Giratório Sesc em Santa Catarina e percorre as cidades de São Miguel do Oeste (22), Xanxerê (24), Joaçaba (25), Canoinhas (28) e São Bento do Sul (30). O espetáculo circense profana a fábula romântica da Cinderela tendo como principal crítica o consumismo desenfreado da nossa sociedade. Mais informações podem ser obtidas no site www.sesc-sc.com.br.

Em São Miguel do Oeste, a apresentação da próxima terça-feira (22) será no Ginásio da Escola Juscelino Kubitschek de Oliveira, na Rua Hélio Wassum, 1.045, Bairro Estrela, às 20h.

Entre acrobacias e números circenses, a peça circense conta a história de sete pessoas que ao terem acesso a uma outra maneira de viver se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O espetáculo se desenrola a partir desse tensionamento, entre um ambiente formal e refinado e personagens que carregam em sua essência a irreverência de quem tem que reinventar e ressignificar a vida a cada instante.

Sobre o projeto nacional Palco Giratório do Sesc:

O Palco Giratório 2018, maior circuito de artes cênicas do Brasil, traz a todas as regiões do Estado espetáculos de teatro, circo e dança para todas as idades. São esperadas 10 mil pessoas em 92 dias de programação. De abril a novembro, Santa Catarina recebe 80 apresentações, 7 Pensamentos Giratórios e 2 intercâmbios com artistas locais, além de 68 horas de oficina. O projeto envolve mais de 130 artistas de todas as regiões do país, que apresentarão a pluralidade das artes cênicas brasileiras em 10 circuitos pelo interior de Santa Catarina. Em agosto, todos se encontram no Festival Palco Giratório, em Florianópolis, que esse ano comemora seus 15 anos no Estado.

Este ano a 21ª edição do Palco Giratório destaca a linguagem circense, prestando homenagem ao Palhaço Biribinha (AL), interpretado pelo ator Teofánes Antônio Leite da Silveira, Patrimônio Vivo da Cultura Alagoana. Ele comemora 60 anos de carreira com um histórico de engajamento e resistência para com as artes circenses no Brasil.

O Palco Giratório tem como objetivo a difusão das artes cênicas, e também contribuir para a formação de plateias, a partir da circulação de espetáculos de gêneros variados. O projeto também abrange atividades formativas e que proporcionam o intercâmbio entre os próprios artistas de diversos estados, assim como, com o seu público. Confira mais informações deste projeto nacional em www.sesc.com.br/portal/site/palcogiratorio  

“A Salto Alto - Entre Gentilezas e Extermínios” do grupo Circo no Ato (RJ)
Apresentações gratuitas
Classificação etária: livre
Duração: 50min 
Categoria: Circo

Sinopse: “A Salto Alto - Entre gentilezas e extermínios” conta a história de sete pessoas que ao terem acesso a uma outra maneira de viver se despem de suas experiências para vestir essa outra realidade. O espetáculo se desenrola a partir desse tensionamento, entre um ambiente formal e refinado e personagens que carregam em sua essência a irreverência de quem tem que reinventar e ressignificar a vida a cada instante. O espetáculo profana a fábula romântica da Cinderela tendo como principal crítica o consumismo desenfreado da nossa sociedade.

Ficha técnica:
Direção de Produção do grupo: Circo no Ato
Produção Executiva do grupo: Rafael Mose
Assistente de Produção do grupo: Mattheus Faria e Denise Lomeli
Coprodução do grupo: Crescer e Viver, Central del Circ e Iberescena
Direção: Circo no Ato e Roberto Magro
Colaboração de Direção: Gustavo Ciríaco
Direção de Cena: Maíra Maneschy
Artistas Criadores (elenco): Carol Costa, Cássia Cristina, Luís Fernando Martins, Mário Martins, Natássia Vello, Rafael Garrido e Rodrigo Ceribelli.
Direção Musical: Raquel Coutinho
Composição: Raquel Coutinho, Jongui e André Valle
Estúdio de Gravação: Pássaro Hippie
Mixagem e Masterização: Jongui
Figurinos: Zoé Martin-Gousset
Assistente de Figurino: Julia Ribeiro.
Cenotécnico: Bruno Jacomino
Roteiro: Roberto Magro
Dramaturgia: Diogo Liberano
Iluminação: João Gióia
Fotografia e Still: Rodrigo Menezes
Criação: Circo no Ato e, Osmose Produções
Fonte: Ascom
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...