Internet - 25/05/2018 05:43 (atualizado em 25/05/2018 08:57)

Vírus atacou pelo menos 500 mil roteadores em 54 países

Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!

Foto: Pixabay

O vírus chamado de VPNFilter já infectou pelo menos 500 mil roteadores em 54 países, segundo as informações publicadas, na última quarta-feira, pela Talos Inteligence. Os usuários dos roteadores das marcas Linksys, MikroTik, NETGEAR e TP-Link seriam os principais alvos dos hackers. A consequência de ter o roteador infectado é deixar vulnerável as senhas e os dados pessoais contidos nos aparelhos conectados à rede Wi-Fi.

Pelos dados levantados até agora, a Ucrânia é o país com o maior registro de ataques do VPNFilter. Esse vírus seria uma versão do BlackEnergy, responsável por um ataque em massa, também na Ucrânia, em 2016. Não foram divulgados quais outros países estão na lista dos locais afetados, mas algumas das marcas citadas são bem conhecidas pelos brasileiros. Uma forma de tentar evitar se proteger do ataque é reiniciar as configurações do roteador.

A Talos Inteligence está realizando estudos sobre o VPNFilter há sete meses e ainda não concluiu a pesquisa. Os resultados preliminares teriam sido divulgado agora para alerta sobre um vírus que é difícil de ser identificado e combatido.

Fonte: Correio do Povo com R7
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...