#sosculturaoeste - 07/07/2020 17:01 (atualizado em 07/07/2020 19:23)

OUÇA: Movimento Cultural do Extremo-Oeste solicita que Fundação Catarinense de Cultura lance imediatamente edital para o setor cultural

A Alesc repassou R$ 2 milhões, no início de junho, para o edital e o recurso está parado no governo estadual
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Integrante do Movimento Cultural do Extremo-Oeste cantora e produtora cultural Raquel Dürrewald / Foto: Marcos Lewe / 103FM

O programa Atualidades, da 103FM, recebeu nesta terça-feira a cantora e produtora cultural Raquel Dürrewald, que integra o Movimento Cultural do Extremo-Oeste. Durante a entrevista, ela falou sobre o abaixo assinado solicitando que Fundação Catarinense de Cultura (FCC) lance imediatamente edital emergencial para o setor cultural. “O setor cultural foi o primeiro a parar e provavelmente será o último a voltar. Nossa categoria precisa de reunião de público, portanto estamos impossibilitados de trabalhar neste momento”, destaca. Ela lembra que a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) repassou, no início de junho, R$ 2 milhões para o edital e o recurso está parado no governo estadual. A comunidade pode participar da ação pelo link até esta quarta-feira (8).

Na última semana, o Governo Federal sancionou a Lei Aldir Blanc, que prevê repasse de R$ 3 bilhões para setor cultural, e estendeu o auxílio emergencial de R$ 600,00 a trabalhadores na cultura e apoio a espaços culturais, que é o primeiro auxílio para a indústria criativa e trabalhadores informais da cultura. O valor deve ser repassado para a categoria em breve.

Confira a Carta da Mobilização

I Carta do Movimento Cultural aos gestores catarinenses das pastas relacionadas à cultura
Nós, fazedores de cultura do extremo oeste, solicitamos que a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) lance imediatamente o edital emergencial para o setor cultural. A Alesc repassou R$ 2 milhões, no início de junho, para o edital e o recurso está parado no governo estadual.

Frente à situação difícil enfrentada pelo setor cultural na região do extremo oeste de Santa Catarina, gerada pela ausência de políticas públicas de cultura nos últimos anos e agravada com a pandemia do Covid-19, solicitamos que a FCC considere o grande impacto dessa crise no âmbito da cultura e efetive, urgentemente, o edital emergencial.

Para pressionar a FCC, um Coletivo formado com membros do setor cultural organizou está campanha para coletar assinaturas em favor da causa. Estas serão anexadas à solicitação, que será encaminhada por email ao presidente da FCC no dia 08/07/2020, exigindo a criação de um edital emergencial para o repasse das verbas ao setor cultural.

Sua assinatura é muito importante para a sobrevivência e dignidade dos artistas do oeste catarinense. Preencha os campos abaixo para nos ajudar!

Fonte: Redação WH Comunicações / Silvana Ruschel
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Carregando...