SÃO MIGUEL DO OESTE - 20/07/2021 16:18

VÍDEO: Saiba o que fazer quando se deparar com uma vítima de engasgamento

Situação delicada, que ninguém quer bater de frente, mas caso aconteça, você deve saber como agir
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!

Engasgamento. Um assunto delicado. Situação que ninguém deseja bater de frente. Esse fato já foi pauta de outras reportagens do Grupo WH Comunicações, mas referente a crianças e recém-nascidos. Nesta matéria você aprenderá como agir quando se deparar com este tipo de incidente envolvendo adultos. 

Conforme o soldado Bombeiro Militar Bonardi, do 12º Batalhão de Bombeiros Militar, de São Miguel do Oeste, o atendimento imediato a uma vítima de engasgamento é primordial para a manutenção da vida ou para evitar complicações. 

De acordo com Bonardi, é fundamental que a sociedade tenha conhecimento das manobras que devem ser aplicadas quando identificar uma pessoa engasgada. Quando chega até a central de emergências uma situação deste tipo, o bombeiro responsável pelo atendimento das chamadas imediatamente repassa informações de como deve-se agir e como realizar as manobras necessárias. Enquanto isso a equipe de socorristas inicia o deslocamento até o local onde está a vítima. 

“Muitas vezes quando a ambulância chega até o local a vítima não está mais engasgada, isso devido as orientações repassadas ainda por telefone pela equipe da central de emergências. A sociedade tendo conhecimento das manobras que devem ser adotadas nessas situações agiliza ainda mais o atendimento à vítima e diminui os riscos para que hajam complicações”, salienta Bonardi. 

O procedimento que deve ser adotado quando alguém perceber que uma pessoa está engasgada é a manobra de heimlich. Acompanhe a seguir o passo a passo para a aplicação da técnica de desengasgamento: 

1 - Posicionar-se por detrás da vítima, envolvendo-a com os braços;

2 - Fechar uma das mãos, com o punho bem fechado e o polegar por cima, e posicioná-la na região superior do abdômen, entre o umbigo e o a caixa torácica;

3 - Colocar a outra mão sobre o punho fechado, agarrando-o firmemente;

4 - Puxar com força ambas as mãos para dentro e para cima. Caso essa região seja de difícil acesso, como pode acontecer em obesos ou gestantes nas últimas semanas, uma opção é localizar as mãos sobre o tórax;

Enquanto a manobra é aplicada, é importante observar se o objeto que causou o engasgamento foi expelido e se a vítima voltou a respirar. 

Clique AQUI e assista a reportagem. 


Fonte: Rudinei Heinle/ Redação WH Comunicações
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Carregando...