BRASILEIRÃO - 21/07/2019 07:41

Ceará vence por 2 a 0 e acaba com invencibilidade do Palmeiras

Verdão não perdia no Brasileirão desde 25 de julho do ano passado, há 33 rodadas
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Vozão conseguiu se afastar da zona do rebaixamento | Foto: Stephan Eilert / Ceara SC / Divulgação

O Ceará acabou, neste sábado, com a invencibilidade de 33 jogos do Palmeiras no Brasileirão. A equipe nordestina venceu o líder do campeonato por 2 a 0, na Arena Castelão, em Fortaleza, pela 11ª rodada da competição. Os gols da partida foram marcados por Mateus Gonçalves e Leandro Carvalho. O primeiro gerou muita reclamação alviverde por conta de uma possível falta em Deyverson no início da jogada. Houve ainda um pênalti para o Palmeiras, anulado após revisão no árbitro de vídeo.

Com a derrota, o Palmeiras pode ter seus 26 pontos igualados pelo Santos, que joga na manhã deste domingo contra o Botafogo, no Rio. A liderança, porém, está praticamente garantida: a equipe alviverde tem oito gols a mais de saldo e uma vitória a mais que os santistas. Já o Ceará foi aos 14 pontos e assumiu a 13ª posição da tabela, distanciando-se da zona de rebaixamento, hoje aberta pelo Fluminense, 17º colocado, com nove pontos.

A última derrota do Palmeiras no Brasileirão havia sido em 25 de julho do ano passado. Na ocasião, o time perdeu por 2 a 1 para o Fluminense, no Maracanã, e trocou o técnico Roger Machado por Luiz Felipe Scolari. No fim, o Palmeiras acabou conquistando o Brasileirão de 2018.

Neste sábado, Felipão surpreendeu ao escalar força máxima, à exceção de Gustavo Scarpa na vaga de Lucas Lima. O Palmeiras enfrenta uma maratona de jogos fora de casa: atuou em Porto Alegre na última quarta-feira, visitou o Ceará e viajará à Argentina para enfrentar o Godoy Cruz na terça-feira, pela Libertadores. Felipão explicou que a mudança no planejamento aconteceu por conta da eliminação na Copa do Brasil. A equipe perdeu para o Inter nos pênaltis e caiu nas quartas de final da competição. A derrota, aliás, gerou protesto de torcedores em Fortaleza na última sexta-feira. Os jogadores, o treinador e o diretor de futebol Alexandre Mattos foram cobrados na chegada ao hotel, e pipocas foram arremessadas. A derrota para o Ceará aumenta a pressão antes do jogo de ida das oitavas de final da Libertadores.

Mesmo com força máxima, o Palmeiras esteve bagunçado durante a maior parte do jogo. A equipe tinha dificuldades de criar e sofria perigo com os ataques rápidos do Ceará. Especialmente Diogo Barbosa e Felipe Melo reclamaram muito com os companheiros durante o primeiro tempo. O Ceará chegou ao primeiro gol aos 31 minutos. Mateus Gonçalves carregou da direita para a esquerda e abriu para João Lucas, que cruzou. Luan afastou, mas a bola sobrou para Mateus Gonçalves acertar um belo chute de primeira, sem chances para Weverton. Os palmeirenses reclamaram de falta de Samuel Xavier em Deyverson no início da jogada. O árbitro Rodrigo D'alonso Ferreira foi chamado para analisar o lance no vídeo e validou o gol do Ceará.

No segundo tempo, Felipão colocou Willian e depois Raphael Veiga e Ramires, que fez sua estreia pelo Palmeiras. A equipe ficou mais ofensiva e passou a levar perigo. Aos 24, o árbitro marcou pênalti após a bola bater no braço de Luiz Otávio. No entanto, o lance foi anulado depois da revisão no vídeo. O empate parecia estar perto de acontecer, mas quem marcou foi o Ceará. Aos 26, a defesa do time da casa afastou com chutão, Felipe Melo desviou de cabeça para trás e a bola sobrou limpa para Leandro Carvalho encobrir o goleiro Weverton. Foi o primeiro toque na bola do atacante, que havia entrado em campo dois minutos antes.

Com 2 a 0 no placar, os jogadores do Palmeiras mostraram ainda mais nervosismo em campo. A equipe tentou pressionar, mas de forma bagunçada. O goleiro Diogo Silva saiu bem em dois lances, evitou as finalizações do adversário e garantiu a vitória do Ceará. O Palmeiras não perdia por dois gols de diferença desde o jogo contra o Boca Juniors, pela semifinal da Libertadores de 2018.

Fonte: Correio do Povo
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Carregando...