POLÍCIA - 25/03/2019 21:21 (atualizado em 26/03/2019 09:04)

Polícia Civil indicia empresário por receptação e homem que agrediu ex-companheira, em Maravilha, por furto

Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Foto: Polícia Civil
A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Maravilha, concluiu Inquérito Policial que apurava os crimes de  lesão corporal e roubo, relacionados à violência doméstica, além do delito de receptação qualificada. Dois homens foram indiciados pelas práticas.

ENTENDA O CASO

Em outubro de 2018 um homem de 26 anos invadiu a residência de sua ex-companheira, localizada no Bairro Floresta, agrediu-a e roubou o celular da vítima. 

Após diversos trabalhos investigativos, o setor de investigação da Polícia Civil conseguiu comprovar que o aparelho celular roubado foi adquirido por um comerciante, o qual revendia aparelhos celulares em uma loja no centro de Maravilha. Posteriormente o comerciante vendeu o aparelho celular a uma terceira pessoa. O aparelho celular acabou sendo recuperado e restituído à vítima.

O procedimento policial foi concluído com indiciamento do homem de 26 anos pelos crimes de roubo e lesão corporal contra mulher. Já o comerciante, de 49 anos, foi indiciado pelo crime de receptação qualificada, podendo ser condenado a até oito anos de reclusão. O inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário. 

Fonte: WH Comunicações com informações da Polícia Civil
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Carregando...