SÃO MIGUEL DO OESTE - 16/05/2019 11:56

OUÇA: Assistência irá distribuir material informativo sobre prevenção da violência contra crianças e adolescentes

Às 10h deste sábado (18) grupos estarão no calçadão para abordagens à população, com entrega de folders da Campanha de Prevenção ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Foto: Divulgação
Araceli tinha 8 anos quando foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada por jovens de classe média/alta, que nunca foram punidos. O crime bárbaro foi registrado no Estado do Espírito Santo, em 1973, e foi o gatilho para uma mobilização nacional. Para lembrar a importância do combate, a Lei Federal nº. 9.970/2000 instituiu no dia 18 de maio, dia da morte da garotinha, o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, com ações em todos os estados brasileiros.
Em São Miguel do Oeste, as atividades alusivas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes estão em andamento desde esta quarta-feira (15). A programação é desenvolvida pela Secretaria de Assistência Social e os órgãos que compõem a Comissão Intersetorial de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes de São Miguel do Oeste.
Conforme a diretora de Assistência Social, Marcionize Filipini, o tema da Campanha “Mãos que Protegem” foi elaborado por crianças e adolescentes atendidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), do CRAS. 
"A criança no centro das mãos nos deixa a mensagem que pra se sentir protegida, as crianças precisam ser olhadas por muitas pessoas. As mãos que protegem são as nossas. O dever é de todos nós, família, comunidade, sociedade como um todo. Na medida que suspeitarmos de uma violação de direitos, temos o dever de comunicar as autoridades. Temos canais de denúncia com total anonimato, sem precisar se preocupar em ser exposto. As pessoas muitas vezes, exitam em denunciar por medo de estar suspeitando de algo que não está acontecendo, mas isso fica a cargo dos órgãos de segurança pública. A nós cabe zelar pelos direitos e encaminhar as informações para que elas possam ser melhor avaliadas", explica.
No Brasil o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. 
PROGRAMAÇÃO
Na quarta-feira (15), a Justiça da Infância e Juventude, junto com a Polícia Militar, coordenaram uma ação de entrega de gibis “Super Adultos de Confiança”, produzidos pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina/SC, para turmas de 4º e 5º ano, em 11 escolas das redes municipal e estadual, na cidade e no interior. A intenção foi de dialogar com crianças de 09 e 10 anos, sobre a prevenção ao Abuso e à Exploração Sexual.
No sábado (18), a partir das 9h, equipes da Assistência Social e representantes da rede de atendimento à criança e ao adolescente, desenvolvem uma ação informativa em cinco comunidades do município. Às 10h, estes grupos estarão no calçadão para abordagens à população, com entrega de folders da Campanha de Prevenção ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, a fim de orientar pais e responsáveis sobre atitudes do dia a dia que podem auxiliar na prevenção deste tipo de violência.
OUÇA A ENTREVISTA DA DIRETORA MARCIONIZE FILIPINI:

Fonte: WH Comunicações / Camila Pompeo
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...