SÃO MIGUEL DO OESTE - 17/08/2019 12:55 (atualizado em 17/08/2019 20:09)

Corpo de Bombeiros adverte casa noturna de SMOeste por show com artefatos pirotécnicos

Conforme nota, uso de pirotecnia foi feito por DJ's durante festa na madrugada deste sábado (17)
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Foto: Print de vídeo / Divulgação 
A Seção de Atividades Técnicas do 12º Batalhão do Corpo de Bombeiros de São Miguel do Oeste irá advertir formalmente uma casa noturna da cidade por uso de pirotecnia. A pirotecnia consiste na técnica de fins artísticos de utilizar o fogo ou explosivos e fogos de artifício a fim de entreter o público.
Por meio de nota, o Corpo de Bombeiros disse que a festa ocorreu na madrugada deste sábado (17), duranta a apresentação de uma dupla de DJ's. "Foram utilizados artefatos pirotécnicos, tanto no assoalho do palco quanto em objeto manuseado por parte dos apresentadores", diz a nota.
A Seção confirmou a materialidade dos fatos por meio de vídeos feitos por clientes da casa noturna e compartilhadas nas redes sociais. O proprietário do estabelecimento foi cientificado e será formalmente advertido. 
O CBMSC repudia tais atitudes que põem em risco a vida e a incolumidade das pessoas. Gestos perigosos que podem desencadear uma tragédia. Utilizar pirotecnia em casas noturnas é proibido.
Em virtude de o espaço estar regular e possuir atestado válido, caso novo episódio como este aconteça, terá o documento cassado, não estando isento de demais penalidades", finaliza.
O que diz a lei 
A lei estadual 16.157 classifica como pirotecnia elementos que produzam efeitos "luminosos, fúmeos ou sonoros" e proíbe a sua utilização em ambiente fechados. O Corpo de Bombeiros de Santa Catarina considera um ambiente fechado também aqueles cobertos com lona ou similares e que utilizem esse material até perto do chão (na altura da cintura, por exemplo).
Uma nova legislação federal sobre o tema entrou em vigor em 2017. A Lei Kiss (13.425/17) prevê responsabilidade criminal em casos de superlotação, com penas que variam de seis meses a dois anos de detenção. Em janeiro de 2013, o incêndio na Boate Kiss em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, matou 242 pessoas. 
Fonte: Redação WH Comunicações, com informações Corpo de Bombeiros
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...