FEMINICÍDIO - 10/03/2020 11:13 (atualizado em 10/03/2020 11:22)

Corpo de mulher é encontrado dentro de mala de viagem em SC

Companheiro da vítima foi preso e confessou crime, informou a polícia
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!
Shaiane era de Viamão (RS) e tinha se mudado para Santa Catarina há 9 meses(Foto: Reprodução, Diário Catarinense)
O corpo de uma mulher de 25 anos foi encontrado nesta segunda-feira (9) dentro de uma mala de viagem em Garopaba, no Sul catarinense. Shaiane Rosa da Rocha estava desaparecida desde 19 de fevereiro. O corpo dela foi encontrado pela polícia em um terreno baldio no bairro Pinguirito.

Segundo a delegada Patricia Fronza Vieira, que comandou a investigação, o companheiro da vítima, de 21 anos, foi preso nessa segunda em Viamão (RS) e indicou o local onde o corpo estava. Ele foi trazido para Santa Catariana e confessou ter matado a mulher em interrogatório durante a noite, disse ainda a delegada. O homem está preso na Unidade Prisional Avançada de Imbituba e será indiciado por feminicídio.

O caso era investigado pela polícia desde o dia 25 de fevereiro, quando colegas de trabalho de Shaiane registraram um boletim de ocorrência informando o desaparecimento dela. A mulher trabalhava como auxiliar de cozinha em uma pizzaria no Centro de Garopaba.

Conforme a Polícia Civil, Shaiane teria sido morta pelo companheiro na madrugada de 19 de fevereiro na residência onde o casal vivia, no bairro Ambrósio. Os dois vieram de Viamão e moravam em Garopaba há nove meses.

— Ele disse que os dois tinham um relacionamento conturbado, que naquele dia tiveram uma briga por ciúme e que ele acabou agredindo ela com um soco, que teria causado a morte. Mas essa é a versão dele. Aguardamos o laudo da perícia para saber exatamente o que causou (a morte) — declarou a delegada Patricia Fronza Vieira.

Durante o depoimento, o homem contou que, depois de matar a companheira, depositou o corpo dela em uma mala grande de viagem e o levou de bicicleta até o terreno baldio onde o deixou, relatou ainda a delegada.

Agora, a Polícia Civil vai apurar se o investigado recebeu auxílio de outra pessoa para ocultar o cadáver. O corpo de Shaiane foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Laguna, e ainda não foi liberado. A delegada informou que será necessário realizar exame de DNA para confirmar a identidade da vítima.
Corpo foi encontrado dentro da mala em terreno baldio no bairro Pinguirito(Foto: Polícia Civil, Divulgação

Feminicídios em SC
Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina (SSP), até segunda-feira (9) tinham sido registrados 10 casos de feminicídio no Estado. No mesmo período de 2019, haviam sido 11 mortes pelo crime.

São considerados feminicídios os casos em que mulheres são mortas no âmbito de violência doméstica ou pela condição de serem mulheres.

Fonte: NSC
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...