GERAL - 18/06/2020 19:07 (atualizado em 19/06/2020 05:58)

Em carreira solo, Léo faz show drive-in em Santa Catarina e fala sobre a reinvenção do showbusiness

Apresentação será neste sábado, 20, na Arena Petry
Comente agora!
Recomendar correção
Obrigado pela colaboração!

O cantor sertanejo Léo, após quase 30 anos ao lado do irmão Victor, agora investe na car reira solo e traz para Santa Catarina o show da turnê Identidades. A apresentação será neste sábado, 20, a partir das 21h, na Arena Petry. O novo projeto que foi lançado no final do ano passado será apresentado em formato drive in. 

Em suas novas produções há canções que passam pelo brega refinado, arrocha, pop, pop-rock, balada romântica, R&B, folk e até sofrência. Tudo isso, claro, sem deixar de lado a raiz sertaneja que o consagrou musicalmente

Carreira solo, palestrante e escritor. A palavra reinvenção parece estar destacada em seu dicionário. É isso mesmo?

Sim, a palavra reinvenção esteve presente muito intensamente na minha vida, especificamente nos últimos 5, 6 anos. Quando comecei a fazer palestras trabalhei muito a comunicação. Eu estudei muito, fiz muitos cursos, e isso me trouxe obviamente ao universo de palestras e se tratou realmente de uma invenção, porque foi muito difícil escalar esse muro. Eu nunca imaginei ser um grande comunicador ou até mesmo um palestrante, me custou muito suor, a fatura foi alta. Mas deu certo e eu tô muito feliz com isso. Diante da carreira solo também se trata de uma reinvenção total, talvez até um pouco mais difícil, porque depois que você vem de uma grande marca como Victor & Leo, ao construir uma outra as pessoas sempre vão associar ao que você fez, ainda mais sendo sucesso como foi. Então, é difícil cravar a sua marca nesse contexto, mas eu sou um cara que adora desafios, e nunca desisti do que eu determino como meta na minha vida e objetivo.

O que tem feito durante a quarentena? Tem aproveitado mais tempo em família?

Fortalecer os vínculos familiares tem sido realmente a grande oportunidade diante da quarentena, e eu tenho aproveitado muito bem isso. Fico muito com os meus filhos e a minha mãe está comigo também. Aproveito pra participar mesmo do dia a dia dos meus filhos, acompanhar nos estudos, nas relações entre eles, nas atividades, e isso tem sido muito positivo. Acho que na vida você tem que entender que por mais arenosa que seja uma estrada, você sempre pode tirar proveito daquilo, você sempre pode conseguir caminhar e seguir em frente e não parar diante das dificuldades que a pandemia propõe. Essa é a minha ótica: tirar o melhor daquilo que parece ser o pior.

Já fez algum show em drive-in? Qual a expectativa para a apresentação de sábado?

Os shows em drive-in tratam-se de uma grande inovação no mercado do showbusiness. É importante ressaltar os cuidados necessários para realizar um evento desse. Eu não fiz nenhum ainda, já havia tido uma oportunidade, mas não abraçamos diante das dificuldades na cidade em que foi proposto. Agora, em Florianópolis, a gente conseguiu fechar todas as pontas como segurança no local, segurança sanitária, viabilidades burocráticas, acessibilidade, todas essas questões ajudaram. Eu tenho uma identificação muito grande com o público de Santa Catarina, sempre tive! Hoje, de certa forma, levo a música do Victor & Leo pras pessoas, pro púbico, além das minhas e isso requere uma responsabilidade enorme em cima do palco. A minha expectativa pro sábado é de que seja um evento marcante pra todos que estarão lá e pro Brasil inteiro que vai assistir a live.


Fonte: Diário Catarinense
Publicidade
Publicidade
Nenhum comentário enviado
:
Cadastro WH3
Clique aqui para se cadastrar
Entre em contato com a WH3
600

Rua 31 de Março, 297

Bairro São Gotardo

São Miguel do Oeste - SC

89900-000

(49) 3621 0103

Carregando...